Buscar
  • António Góis

Joseph Campbell e a Jornada do Escritor

Em 1949, a partir do clássico, O herói de mil faces, o estudioso Joseph Campbell construiu um autentico manual de escrita criativa ao adaptar a chamada Jornada do Herói: uma estrutura presente nos mitos e replicada em todas as boas histórias já contadas e recontadas pela humanidade.

O pensamento de Joseph Campell anda de mãos dadas com as ideias do psicólogo suíço Carl Jung, que escreveu sobre os famosos ‘arquétipos’, que são personagens ou energias que se repetem com constância e ocorrem em sonhos de todas as pessoas assim como nos mitos de todas culturas.

A seguir ficam os 12 passos considerados indispensáveis na estrutura de qualquer obra literária, segundo Joseph Campell, e ao qual se dá o nome de Jornada do Herói.

Estrutura de um romance em 12 passos:

1. Os heróis são apresentados no mundo comum, onde

2. recebem um chamado à aventura

3. Primeiro, ficam relutantes ou recusam o chamado, mas

4. num Encontro com o mentor são encorajados a fazer a

5. travessia do primeiro limiar e entrar no Mundo Especial, onde

6. encontram testes, aliados e inimigos

7. Na aproximação da caverna oculta, cruzam um Segundo Limiar

8. onde enfrentam a provação

9. Ganham sua recompensa e

10. são perseguidos no caminho de volta ao Mundo Comum

11. Cruzam então o Terceiro Limiar, experimentam uma ressurreição e são transformados pela experiência

12. Chega então o momento do retorno com o elixir, a bênção ou o tesouro que beneficia o Mundo Comum

A jornada do herói é um esquema, um esqueleto que, consequentemente em cada história, será preenchida com os detalhes e surpresas de cada história individual.

0 visualização
  • Facebook
  • Tumblr Social Icon
  • Pinterest

© 2020 por Escrita Criativa

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now